• Mitos e verdades da dieta nórdica



Nutricionista Elaine de Pádua* conta tudo sobre a novidade

O que está presente nos grãos integrais que os tornam tão nobres?

Estão presentes fibras e vitaminas do complexo B.

As fibras estão presentes nos grãos integrais, que também influenciam na saciedade e densidade energética da dieta.

Além disso os alimentos ricos em fibras absorvem mais água, reduzindo ainda mais a densidade energética. É Importante reforçar que a fibra não tem calorias, ela passa intacta pelo intestino acrescentando volume as fezes e ajudando no funcionamento do intestino.

Os alimentos ricos em fibra exigem mais mastigação, com isso contribui para a saciedade. Além disso, a fibra retarda o esvaziamento gástrico dando mais saciedade e evitando picos de glicemia.

Atualmente a ingestão dos grãos integrais tem mostrado controlar o peso corporal, os níveis de glicemia, além de melhorar o perfil lipídico. Com todos estes benefícios eles podem ser utilizados na redução de qualquer doença como obesidade, diabetes, dislipidemia etc.

E as frutas vermelhas, são importantes por quais componentes?


As frutas vermelhas são ricas em ANTOCIANINAS, compostos fenólicos com potente ação antioxidante no organismo. Atuam contra o envelhecimento celular, reforçando o sistema imune e prevenindo doenças. Além disso, essas frutas são repletas de vitamina C, outro antioxidante natural, que reforça a defesa do corpo contra infecções e mantém a elasticidade da pele, por ser importante na síntese de colágeno, dentre diversas outras funções.

As antocianinas pertencem ao grupo dos flavonóides, grupo de pigmentos naturais com estruturas fenólicas variadas. São os componentes de muitas frutas vermelhas e apresentam grande concentração nas cascas de uvas escuras. Representam um significante papel na prevenção ou retardam o aparecimento de várias doenças por suas propriedades antioxidantes. As antocianinas encontradas em alimentos são todas derivadas das agliconas pertencentes a três pigmentos básicos: pelargonidina (vermelha), cianidina (vermelho) e delfinidina (violeta).

São fontes de vitamina C, vitamina E, magnésio e cálcio. As berries têm uma pequena quantidade de proteína e gorduras, mas as quantidades de carboidratos são excelentes , dando as frutas um sabor mais adocicado. As quantidades de cálcio são altas, tornando essas frutas uma ótima opção para o fortalecimento dos ossos. Além disso, contém fibras (principalmente a framboesa), além de água. Sem dúvida elas também favorecem pessoas que são constipadas.

Quais os principais benefícios de legumes como lentilha e feijão e das verduras verdes?


Na composição da lentilha há proteínas, pouca gordura e carboidrato (principalmente amido) e fibras por meio da celulose. Além disso elas estão presentes na alimentação humana desde a antiguidade e são excelentes 
fontes de ferro, fósforo, cobre, manganês e potássio. Como a lentilha tem baixo índice glicêmico auxilia no processo de emagrecimento.

O feijão é um excelente alimento, muito rico nutricionalmente, pois fornece nutrientes essenciais ao ser humano, como proteínas, ferro, cálcio, magnésio, zinco, vitaminas (principalmente do complexo B), carboidratos e fibras.

Na alimentação dos brasileiros, o feijão é a principal fonte de proteína, seguido, em importância, pela carne bovina e pelo arroz. Apenas esses três alimentos básicos contribuem com 70% da ingestão protéica, além de ser uma cultura de grande expressão sócio-econômica no Brasil.

A importância alimentar do feijão deve-se, especialmente, ao menor custo de sua proteína em relação aos produtos de origem animal.

Dentre os componentes do feijão, destacam-se principalmente os compostos fenólicos, substâncias antioxidantes vinculadas a um menor risco no desenvolvimento de alguns tipos de câncer e a uma menor incidência de doenças degenerativas; a isoforma 1 do inibidor da alfa-amilase, que apresenta potencial efeito no combate à obesidade e no tratamento adjuvante do diabetes; e as fibras solúveis que, depois de ingeridas, se transformam em gel, permanecendo mais tempo no estômago, o que acarreta uma maior sensação de saciedade. Tal "gel" atrai as moléculas de gordura e de açúcar, que são eliminados pelas fezes, ajudando assim, a reduzir os níveis de colesterol e glicemia do sangue.

Folhas verdes escuras: (espinafre, couve manteiga, brócolis, broto de alfafa e de feijão). Fonte de clorofila tem alta concentração de vitaminas do complexo B, Vitaminas A e C, além de vitamina E, cálcio e magnésio. Estes alimentos tem a função de modular a imunidade..

Vegetais crucíferos como: Couve de bruxelas, agrião, brócolis, couve-flor, couve manteiga, mostarda, nabo, rabanete, rúcula e repolho:

Alguns estudos mostram que estes alimentos ajudam na eliminação de aminas ( metabólitos provenientes de carnes fritas.). Contém compostos organosulfurados que modulam a biotransformação acelerando a eliminação de compostos tóxicos. Brócolis e repolho: São ótimas fontes de isoticianatos e indóis. Estas substâncias oferecem propriedades quimiopreventivas, contribuindo para redução de alguns tipos de câncer.

Couve manteiga: Alta quantidade de minerais como cálcio, magnésio e ácido fólico. Ajuda a manter os níveis de serotonina no organismo.

Brócolis: Os carotenóides presentes em grandes quantidades no brócolis são o betacaroteno, luteína e zeaxantine. Estes são poderosos antioxidantes que podem ajudar a prevenir certas doenças relacionadas com o envelhecimento. Estes antioxidantes neutralizam os radicais livres, que causam danos às células saudáveis. Adicionalmente, algumas pesquisas já evidenciaram que o consumo desta hortaliça pode combater vários tipos de câncer, além de minimizar os riscos de catarata, reduzir o colesterol sérico e prevenir doenças cardiovasculares.

Os peixes mais consumidos pelos nórdicos são salmão e arenque. Eles são ricos em quais componentes benéficos para a saúde?

Sao ricos em Ômega-3.

O componente lipídico presente no peixe, o ácido graxo Ômega-3, possui um papel extremamente importante na nutrição e por isso deve ser consumido através da alimentação. O ômega-3 está relacionado com o processo de redução da inflamação e, portanto, exerce impacto positivo sobre a doença cardíaca e condições inflamatórias, tais como a obesidade. Além disso, auxilia na melhora da memória por ajudar na transmissão dos impulsos nervosos.

As maiores fontes são a sardinha, salmão, juriel, atum e anchova.

Em que uma dieta baseada nesses alimentos reflete na saúde e prevenção de oenças crônicas, cardíacas e obesidade?

O padrão da dieta nórdica é caracterizado por refeições ricas em frutas, vegetais e peixes. Os benefícios para a saúde decorrentes da adesão a este tipo de dieta são muitos e recentemente, se inclui nesta lista, a redução do risco do mal de Alzheimer, diminuição do risco de diabetes, doenças cardiovasculares, hipertensão e obesidade. Esta dieta é pobre em ácidos graxos saturados, rica em carboidratos e fibra, e tem alto conteúdo de ácidos graxos monoinsaturados derivados do óleo de colza.

No caso dos brasileiros, é possível fazer uma substituição pensando nas propriedades alimentares dessa dieta. Como trocar arenque por sardinha, já que ambos são ricos em ômega 3, ou substituir frutas vermelhas por frutas cítricas e açaí e animais de caça por aves criadas sem hormônios?

Sem duvida e possível já que muitos alimentos têm componentes similares à dieta Nórdica. A ideia da dieta e justamente usar alimentos in natura, plantados no quintal, frutas e verduras frescos da época e carnes brancas. Com boa vontade e planejamento e possível colocar em pratica a dieta e colher os benefícios propostos por ela.

Neste caso, os princípios da dieta nórdica são mais importantes que os alimentos em si?

Sem duvida ja que a dieta nórdica sugere mudanças saudáveis em sua rotina alimentar, priorizando o consumo de alimentos in natura, evitando bebidas com açúcar, e dando preferências à suco de frutas e alimentos orgânicos (sem conservantes). Além de estimular o consumo de peixe, a Dieta Nórdica também incentiva as pessoas a comerem outras carnes brancas e a diminuir a ingestão da carne vermelha.

Elaine Cristina Rocha de Pádua • Nutricionista • CRN: 22094 

Nutricionista Mestre em Ciências da Saúde pela UNIFESP, Departamento de Medicina Obstetrícia, pós-graduada em Nutrição nas Doenças Crônico-Degenerativas pelo Instituto de Pesquisa e Ensino do Hospital Israelita Albert Einstein. Pós-Graduada em Nutrição Funcional pela Universidade Cruzeiro do Sul. Especialista em Adolescência para equipe multidisciplinar pela Universidade Federal de São Paulo - UNIFESP. Atualmente Pós-graduanda em Medicina Obstetrícia a nível de mestrado pela UNIFESP, coordenadora do ambulatório de nutrição da gestante adolescente e supervisora de estágios da especialização em "Adolescência para Equipe Multidisciplinar" do Centro de Atendimento e Apoio ao Adolescente - CAAA. Integrante da equipe de pré-natal da Casa da Saúde da Mulher - Departamento de Obstetrícia - UNIFESP. É autora dos jogos educativos "Mito ou verdade", "Desafio hortifruti" e "De olho nos alimentos", da Nutriland, e do capítulo Abordagem Nutricional da Adolescência, do livro Adolescência e Saúde Volume III, da Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo. Recentemente lançou o livro "O que tem no prato do seu filho? – Um guia prático de nutrição para os pais", Editora Alles Trade, que tem o objetivo de ajudar, de maneira criativa, os pais na difícil tarefa de fazer com que as crianças tenham uma alimentação de qualidade. 

Publicações: 

• LIVRO: ADOLESCÊNCIA E SAÚDE 3. SECRETARIA DA SAÚDE. PARTICIPAÇÃO NO CAPÍTULO ABORDAGEM NUTRICIONAL NA ADOLESCÊNCIA
• ARTIGO PUBLICADO NA REVISTA DA SOGIA
• ARTIGO PUBLICADO NA REVISTA DE NUTROLOGIA

• Hérnia de Disco: Saltos Altos x Coluna Vertebral



Dr Leonardo Eicke (Crefito 112.234-F) - Crédito das fotos: Rhuan Fernandes de Souza

Não tem como negar! Os saltos altos são charmosos, deixam as mulheres mais esguias, mais elegantes e sensuais. Os homens adoram ver as suas mulheres desfilando com um belo par de saltos alto, é fascinante! Já as mulheres, não resistem às novidades estampadas nas vitrines. É um detalhe especial, uma textura irresistível, um salto perfeito, cores que combinam com todas as roupas, um fetiche! Sempre (sim, sempre) cabe mais um no closet. 

Para a sociedade, os sapatos sempre foram considerados um acessório indispensável para o guarda-roupa. A escolha do sapato é a oportunidade de se expressar de uma maneira sutil ou grandiosa e conta uma história sobre quem você é.

Impossível deixar de destacar a personagem Carrie Bradshaw Preston, interpretado pela atriz norte-americana Sarah Jéssica Parker, da série e filmes Sex and the City. Carrie é uma aficionada em sapatos, especialmente os de saltos altos. Coleciona centenas, como muitas mulheres em todo o mundo. E em alguns momentos dispensava o conforto, e se entregava pela beleza. Qual a mulher que não fez isso pelo menos uma vez?

Mas, como nem tudo no mundo “são rosas”, como destaca o pensador William Warney, apesar de todo o glamour que o salto alto representa, vale destacar que a maioria, não se preocupada com os problemas de saúde que pode proporcionar a mulher, principalmente para as que usam o salto alto todos os dias. 

O salto alto altera o alinhamento natural da coluna, colocando em risco potencial, desenvolvendo assim, no mínimo, dores nas costas. Além de adicionar pressão sobre a região lombar, nas pernas, bem como nos joelhos e tornozelos.

Para manter a saúde da coluna, é necessário ter uma boa postura, evitando o uso prolongado de saltos altos sempre que possível. O ideal é alternar saltos altos com outros sapatos de sola plana. Não esqueça que o desconforto postural é o primeiro sinal de que há algo errado com sua coluna. 

Procure ajuda! Hoje há diversos tratamentos no mercado que pode auxiliar quem sofre com problemas como hérnia de disco e precisam promover a descompressão das estruturas intervertebrais da coluna, bem como o fortalecimento específico dos músculos que dão sustentação e estabilização vertebral. Uma boa opção é o método de Reconstrução Músculo Articular da Coluna Vertebral (RMA), que nada mais é do que um programa fisioterapêutico que utiliza técnicas de fisioterapia manual, mesa de tração eletrônica, mesa de descompressão dinâmica, estabilização vertebral e exercícios de musculação. Todas as técnicas do programa têm evidências cientifica. 

Não basta “ouvir” os seus pés, na hora de escolher um sapato. Ouça a sua coluna, que está “segurando” todo o conjunto. E seja feliz! 

• Dr Leonardo Stahelin Eicke (Crefito 112.234-F) - Fisioterapeuta da Clínica ITC Vertebral de Florianópolis, Membro da Associação Brasileira de Reabilitação de Coluna (ABRC) 


• Clínica ITC Vertebral de Florianópolis - Rua: Osvaldo Rodrigues Cabral, nº 1570 (Avenida Beira-mar Norte), sala 108, Centro - Florianópolis/SC. O horário de atendimento é de segunda à sexta-feira, das 07h30 às 19h.Telefone para mais informações/avaliações/agendamentos, (48) 3024-3830 ou 9651-1313 e florianopolis@itcvertebral.com.br. Para conhecer o site, acesse http://www.herniadedisco.com.br e o facebook https://www.facebook.com/itcfloripa

• Sobrancelha Express dicas para sobrancelhas


Se aventurar em casa em fazer a manutenção mensal das sobrancelhas pode esconder alguns erros irreparáveis. Assimetrias e os efeitos de engordar ou encurtar o rosto são alguns dos resultados que podem ser obtidos ao remover os pelos das sobrancelhas sem ajuda de um profissional experiente.

Listamos alguns dos erros mais comuns relatados por nossas clientes:


- Tirar pelos demais ou de lugares estratégicos: é o erro campeão, com certeza! Este erro interfere na forma da sobrancelha e na forma do rosto, podendo afinar, engordar, encurtar ou alongar a face; ressaltando uma característica que muitas vezes não é um ponto forte do rosto da pessoa.

- Tentar desenhar a sobrancelhas afinando ou mexendo no arqueamento natural: frequentemente termina em um efeito artificial, assimétrico e altera forma do rosto sobressaindo características que incomodam as clientes. É importante saber que não é todo formato de rosto que comporta uma sobrancelha arqueada ou desenhada demais.

- Tentar igualar as duas sobrancelhas: vai levar a um desbaste excessivo, pois somos assimétricos quando comparamos um lado do corpo ao outro, portanto é preciso respeitar estas diferenças também nas sobrancelhas.

- Usar cera para depilar as sobrancelhas: tem sido relacionada a queda precoce do tecido das pálpebras ressaltando bolsas e rugas, além de que, caso ocorra algum erro, este seja ainda mais ressaltado pela remoção total dos fios.

Sobre a Sobrancelha Express

A rede Sobrancelha Express é especialista na beleza do olhar. Acreditamos que cada pessoa é única, portanto, seu olhar também deve ser. Desenvolvemos técnicas e procedimentos especiais para realçar a beleza natural e valorizar a expressão facial. Nossos serviços e profissionais buscam a excelência, para isso analisamos diversos aspectos que podem influenciar no resultado como o olhar, o formato do rosto e até tendências da moda.

Saiba mais em:



Contato: +55 11 3062-6727.

• Olheiras: saiba as causas, os tipos, modo de prevenção e os novos tratamentos

Dra Daniela Ribeiro

Especialista nos alerta que a genética pode ter muito influencia sobre mal porém isso não significa que não tenha jeito

As olheiras são grandes inimigas de nós mulheres há longa data e vários fatores do dia a dia estão implicados na sua piora tais como: cansaço, má alimentação (principalmente rica em muito sal - o que acaba por aumentar as bolsas), dormir pouco, trabalhar demais, chorar, além da ingestão excessiva de álcool. 

Esses são os fatores de piora das olheiras, entretanto não são a causa do problema, ao contrário, do que muitos pensam.

É claro que você já pensou: “Se é para termos olheiras que seja por termos ido a festas e aproveitado o carnaval”. Mas nem sempre é assim, dra Daniela Ribeiro médica dermatologista especialista em medicina estética nos conta que, muitas vezes temos olheiras simplesmente por GENÉTICA. Você não leu errado não. É Isso mesmo. Ou até por termos algum tipo de alergia na pele ou alergia respiratória como a RINITE ALÉRGICA.

Então muitas vezes não conseguimos evitar o problema mesmo que tenhamos uma vida extremamente saudável. Mas nem por isso significa que não tenha tratamento. Pelo contrário, hoje as técnicas mais modernas de tratamentos, nos permitem corrigir e tratar as olheiras mais facilmente. 

Antes de decidir qual o melhor tratamento é importante que um profissional médico DERMATOLOGISTA avalie qual o tipo da sua olheira para então poder fazer um plano de tratamento adequado para o seu caso. 

Dra Daniela explica que existem basicamente 4 tipos de olheiras:

- PIGMENTAR- ocorre por depósito de pigmento na pele. As olheiras nesse caso são de cor marrom. Muito comum em pessoas de pele morena, em pessoas com tendência genética e alérgicos. O tratamento destas olheiras podem ser feitos com peelings químicos ou Laser Elekra (laser Q-Swichted Fracionado). 

- VASCULAR - ocorre quando existe um aumento de vasos sangüíneos na região ou por depósito de hemossiderina (um composto do sangue). Elas geralmente são avermelhas, azuladas ou arroxeadas. Podemos tratá-las com LUZ PULSADA. 

- ESTRUTURAL - ocorre por falta de tecido na região quando a pele fica muito fina e vemos o músculo por transparência ou até por formar uma sombra na goteira lacrimal deixando uma aparência de olho profundo. Muitas vezes o envelhecimento da região palpebral acaba acentuando esse tipo de olheiras. Geralmente são tratadas com preenchimentos a base de acido hialurônico , com o skinbooster ou com o Ulthera (para melhorar a flacidez na região). Ou até combinando as técnicas.

- MISTA - é o tipo mais comum de olheiras. Geralmente existe uma combinação dos fatores acima levando às olheiras. Nesse caso uma mistura de tratamentos deverá ser utilizada. Além destes citados acima pode-se usar o Laser Fracionado de Co2 ipixel com impact fazendo infusão de medicamentos (como a vitamina C e o ácido tranexâmico).

Dra Daniela ainda lembra que todos os tratamentos amenizam as olheiras mas não as fazem desaparecer portanto você sempre precisará tratar. Os tratamentos com produtos tópicos como cremes e séruns ajudam a prevenir a formação das mesmas e devem sempre ser utilizados mas não corrigem olheiras já formadas.

Agora, aproveitem o carnaval com moderação e quando ele acabar se estiver com olheiras não esqueça que não é só isso… Procure ajuda de um dermatologista.

Sua pele agradece.

Mais sobre Dra Daniela Ribeiro

• Graduação em Medicina 
• Pós-Graduação em Alergologia e Imunologia
• Pós - Graduação em Dermatologia.
• Pós - Graduação em Medicina Estética.
• Médica Dermatologista, especialista pela SBD
• Membro Titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia.
• Membro da Academia Americana de Dermatologia e da American Society for Laser Medicine And Surgery. 

• Hérnia de Disco: Clínica ITC Vertebral de Florianópolis oferece tratamento pioneiro e não-cirúrgico



O fisioterapeuta Dr Leonardo Eicke, que é membro da Associação Brasileira de Reabilitação de Coluna (ABRC) inaugurou recentemente uma clínica exclusiva e totalmente equipada, no Centro de Florianópolis para tratamento de hérnia de disco. 

A dor nas costas é uma epidemia que se alastra por todo o mundo. Segundo dados do IBGE, no Brasil, a dor nas costas é a terceira causa de aposentadoria e a segunda de licença ao trabalho. Estatísticas indicam que 13% das consultas médicas são provenientes de queixas de dor na coluna vertebral e, em nosso país, já são mais de 5,3 milhões de pessoas com hérnia de disco.

A hérnia de disco é considerada uma patologia muito comum, e que causa séria inabilidade em seus portadores e em vista disso, constitui um problema de saúde pública mundial, embora não fatal. O que se estima é que entre 2 e 3% da população seja cometidos desse processo, cuja prevalência é de 4,8% em homens e 2,5% em mulheres.

A OMS (Organização Mundial da Saúde) afirma que 80% da população mundial terá, pelo menos, um episódio de dor na coluna durante a vida, e estas lesões que há alguns anos, eram frequentes apenas em pessoas com mais de 45 anos de idade, atualmente é muito comum observar em hospitais, consultórios médicos e clínicas de fisioterapia crianças e adolescentes para tratar de dores nas costas.


Santa Catarina, agora conta com um tratamento inovador e não cirúrgico, é a R.M.A. – Reconstrução Músculo Articular da Coluna Vertebral, que promete cura de problemas com a coluna, em torno de 90% dos casos, sem necessitar de cirurgia. “É um programa de tratamento para hérnia de disco e outras lesões da coluna, como lombalgia; cervicalgia; dor ciática; protrusão discal; espondilose, artrose entre outras, que vem revolucionando a fisioterapia brasileira e agora chega a Santa Catarina”, informa o fisioterapeuta, Dr. Leonardo Eicke, especialista em reabilitação da coluna.


No Brasil, já somam mais de três mil pacientes tratados com a R.M.A. Foi desenvolvido pelo fisioterapeuta cearense Helder Montenegro, presidente da Associação Brasileira de Reabilitação de Coluna (ABRC), e é difundido pela ITC Vertebral (Instituto de Tratamento da Coluna Vertebral) e a tecnologia é americana. “Este tratamento promove a descompressão das estruturas intervertebrais da coluna, bem como o fortalecimento específico dos músculos que dão sustentação e estabilização vertebral”, explica Dr. Leonardo.


O programa de tratamento consiste em cinco etapas: Fisioterapia Manual (o fisioterapeuta realiza manipulações articulares e alongamento musculares que promovem alívio da dor, acelerando o processo de melhora dos sintomas); Mesa de Tração Eletrônica (possui um mecanismo de deslizamento com molas que controlam o atrito do paciente sobre a mesa e garante progressão segura, suave, confortável e precisa nos processos de aplicação e retirada de carga de tração); Mesa de Flexão-Descompressão (possibilita que o fisioterapeuta tenha total controle sobre a mobilidade da coluna vertebral do paciente, permitindo movimentos de flexão, extensão, látero-flexão e rotação); Estabilização Vertebral (possibilita que o fisioterapeuta tenha total controle sobre a mobilidade da coluna vertebral do paciente, permitindo movimentos de flexão, extensão, látero-flexão e rotação) e Musculação ou Pilates (são exercícios capazes de prevenir novas crises).


O grande diferencial da R.M.A. – Reconstrução Músculo Articular da Coluna Vertebral está em oferecer o início, o meio e o fim do tratamento para os problemas da coluna. “Isso significa que o paciente é acompanhado durante todo o tratamento e depois é encaminhado e orientado para a prática de uma atividade física que irá manter os resultados”, informa o fisioterapeuta.



O tempo de duração do programa, também é muito curto, lembra o fisioterapeuta. “Em apenas dois meses são obtidos 87% de bons resultados até em pacientes mais graves. O progresso deve-se às cinco etapas do programa de tratamento”, conclui Dr Leonardo, lembrando que vale ressaltar que todas as técnicas utilizadas neste programa apresentam evidências científicas comprovadas no Brasil e nos Estados Unidos.


É necessário realizar uma avaliação, antes de iniciar o tratamento com o R.M.A. 


• Clínica ITC Vertebral de Florianópolis - Rua: Osvaldo Rodrigues Cabral, nº 1570 (Avenida Beira-mar Norte), sala 108, Centro - Florianópolis/SC. O horário de atendimento é de segunda à sexta-feira, das 07h30 às 19h.Telefone para mais informações/avaliações/agendamentos, (48) 3024-3830 ou 9651-1313 e florianopolis@itcvertebral.com.br. Para conhecer o site, acesse http://www.herniadedisco.com.br e o facebook https://www.facebook.com/itcfloripa

• 7 princípios para você ter um relacionamento saudável


* Por Bibianna Teodori
Em um relacionamento amoroso bem-sucedido, constrói-se uma vida em comum agradável a ambas as partes. Isso só acontece quando existem propósitos e significados em comum, fortes o suficiente para que os dois se sintam motivados ao imaginar um futuro juntos. 
O psicólogo John Gottman identificou em casais estáveis e saudáveis 7 princípios capazes de criar e fortalecer os sistemas de amizade e significado. Conheça cada um deles:
1) Identificar e aperfeiçoar o mapa do amor
Casais emocionalmente inteligentes conhecem o universo um do outro e possuem um “mapa do amor” do parceiro. Isto é, conhecem seus gostos e preferências, objetivos, valores, visão de mundo, anseios, temores e esperanças.
Uma explicação prática pode ser a de um piloto, que se utiliza de vários mapas para conduzir um avião. Essas representações permitem a ele fazer o julgamento correto diante de uma ampla variedade de situações no ar.
Em nossa vida, cada um de nós experimenta o mundo através dos sentidos (visão, audição, tato, olfato e paladar) e do território. Assim, criamos nosso mapa interno a partir do mundo externo, mas o que está do lado de fora pode não ser a mesma coisa que está na sua mente, pois mapas são apenas réplicas. Nós respondemos de acordo com o mapa de nossos valores, nossas crenças, memórias e conhecimento cultural.
Assim, aperfeiçoar o mapa do amor significa saber quais são as preferências, valores, forças, objetivos e desafios do parceiro.
2) Cultivar afeto e admiração
É fundamental existir admiração e respeito entre o casal. Sem isso, não há motivação para mudanças e melhorias – e muitas vezes, não há nem sequer motivação para permanecer juntos. Os casais felizes dedicam 5 horas adicionais por semana ao cultivo desses sentimentos, seja para reuniões a dois, cumprimentos e saudações, troca de abraços, beijos, saídas, passeios e atividades prazerosas.
3) Voltar-se para o outro
Sentimentos positivos são criados também através dos “lances”, uma forma de chamar a atenção do outro. Por exemplo: um sorriso, um convite para partilhar algo, uma “indireta” para algo que gostaríamos de receber ou até propostas mais explícitas (“Faz tempo que a gente não sai para jantar...”). Voltar-se para o outro significa ficar atento aos “lances”, respondê-los o quanto antes e deixar-se influenciar.
4) Apoiar-se um ao outro
Trata-se de atuar junto com o outro, e não contra. Divida decisões, negocie concessões. Partilhe o poder.
5) Resolver os problemas que podem ser resolvidos
Segundo o John Gottman, as divergências pontuais e solucionáveis constituem apenas 31% dos conflitos do casal, mas isso não significa que seu potencial para causar estragos seja desprezível.  Tudo aquilo que pode ser resolvido deve ser solucionado o quanto antes, a fim de evitar o desgaste desnecessário.
Se o casal não consegue negociar e se comprometer até mesmo para a resolução de questões menores, não irá administrar os conflitos perpétuos. Pense o que poderia ser feito para ajudar a resolver o conflito e apresente as sugestões a seu parceiro. Tenha uma comunicação que manifeste apreciação.
6) Encontrar o sonho dentro do conflito
Os conflitos eternos podem levar os parceiros a se fecharem em suas posições, uma vez que a base desses conflitos são sonhos, às vezes nem sempre expressos claramente, e valores do indivíduo. O segredo é entender e honrar o sonho do outro. Questões perpétuas nunca ou raramente são resolvidas, porém, ao honrar o sonho um do outro, o casal abre caminho para poder administrá-las de maneira a controlar e reparar os danos ao relacionamento.
7) Criar o caminho para um futuro juntos
Um aspecto crucial para a saúde da relação é criar mais significados compartilhados. Para isso, é necessário trabalhar os rituais de conexão e o projeto de vida em comum do casal. Tudo isso varia de casal para casal, mas cito alguns exemplos para facilitar a compreensão:
- Hábitos, costumes, práticas: dar um passeio de mãos dadas a cada manhã de domingo, ir num determinado restaurante que possui um significado especial para os dois, praticar caminhada juntos, celebrar certas datas de um modo específico.
- Narrativas e mitos: refere-se ao modo como o casal relembra e reconta os eventos marcantes de sua relação, acrescentando narrativa a seus “mitos” compartilhados (estávamos mesmo predestinados um ao outro). As narrativas e mitos refletem o caráter único e especial que o casal confere a esses eventos, a sua história. E refletem, também, o seu grau de conexão.
- Símbolos: trata-se de tudo aquilo a que o casal atribui um significado simbólico positivo para a relação, seja “a nossa música”, “o nosso filme”, “o nosso lugar”, etc.
- Propósito de vida: finalmente, como propósito de vida, entram valores, objetivos, sonhos compartilhados e como o casal pretende alcançá-los. É fundamental que os dois partilhem os mesmos objetivos e que encontrem meios para realizá-los.
* Bibianna Teodori é Executive e Master Coach, idealizadora e fundadora da Positive Transformation Coaching. Autora do livro “Coaching para pais e mães – Saiba como fazer a diferença no desenvolvimento de seus filhos” e coautora de "Coaching na Prática - Como o Coaching pode contribuir em todas as áreas da sua vida”. www.bibiannateodoricoach.com.br

• Veja 4 dicas para aumentar o seu amor próprio


Conheça o Coaching de Vida, processo que auxilia na melhora da autoestima - e, consequentemente, em todas as áreas da vida. 

Veja 4 dicas para aumentar o seu amor próprio

Conheça o Coaching de Vida, processo que auxilia na melhora da autoestima – e, consequentemente, em todas as áreas da vida.

Pode-se dizer que, não importa o quão diferente sejam as pessoas, o objetivo de todos é o mesmo: ser feliz. Porém, não existe nenhuma “receita de bolo” para que essa meta torne-se concreta, já que a felicidade é algo subjetivo e diferente para todos, - mas, ao mesmo tempo, os meios de alcançar essa felicidade plena dependem de algumas características em comum para todos.

Andreia Rego, Psicanalista e Coach de Desenvolvimento Humano no Rio de Janeiro/RJ, comenta que é apenas quando as pessoas conhecem a si mesmas, se aceitam, se amam e estão dispostas a mudar é que é possível viver de bem com a vida. “A partir do momento em que essas atitudes estão incorporadas no seu cotidiano, você aprende a lidar com sabedoria diante das situações e obstáculos que lhe aparecem no meio do caminho. Amar-se, entender-se e aceitar-se são características fundamentais para o progresso de qualquer pessoa - em qualquer área de sua vida”, explica.

Para ajudar no alcance desses atributos, um dos processos que é muito explorado e cada vez conquista mais adeptos é o Coaching de Vida, que trabalha no auxilio de novas descobertas pessoais, fazendo com que as pessoas fortaleçam-se e entendam seus pontos fortes – e os explorem – e seus pontos fracos – melhorando-os. “O Coaching de Vida faz com que a pessoa desenvolva autoconhecimento, e, como consequência disso, sua autoestima também aumenta. A partir desse momento, ela passa a gostar mais de si mesma, reconhecendo suas próprias limitações e qualidades”, ressalta a especialista.

Andreia lembra que o segredo para que o Coaching de Vida seja bem sucedido é não deixar com que pensamentos diminutos e negativos atrapalhem e bloqueiem a vida da pessoa. “A partir do momento em que ela reconhece seus pontos negativos, ela precisa trabalhar em cima deles e aperfeiçoá-los – e não deixar com que eles a dominem e a façam desistir ou desanimar”, comenta.

Sabendo que nem sempre é fácil enxergar – e viver – o lado bom das coisas, a profissional oferece algumas dicas curtas que auxiliam a tornar-se uma pessoa mais de bem com a vida, disposta a melhorar a si mesma e o ambiente a seu redor:

1 – Dê crédito a si mesmo. Dar-se oportunidade é a melhor escolha.
2 – Busque internamente quais são seus valores pessoais, universais. No que você acredita de bom para si e para as pessoas.
3 – Curta-se, envolva-se com seus pontos fortes e suas qualidades.
4 – Pergunte-se: qual é o meu maior talento? O que eu faço de melhor? No que sou mais elogiada pelas pessoas?

“Aprenda a admirar a si próprio. A partir do momento em que você passa a gostar de si mesmo, a relação com familiares, amigos e profissionais também mudam para melhor. Quando há confiança em si mesmo, é possível saber dizer sim, não, se posicionar e ter autonomia para se viver com qualidade – e não é isso o que todos querem?”, conclui a profissional.

Andreia Rego

Psicanalista e Coach de Desenvolvimento Humano
Face: https://www.facebook.com/andreiasrego?ref=hl 
Instagram: Andreia Rego
Site: http://coachandreiarego.com.br/
E-mail: asrego@gmail.com
Celular: 21 99941.9950

• Quando você perde peso e se livra da gordura, para onde que ela vai?


Dr. Fábio S. Cardoso CRM-SC 11796
Especialista explica que ao contrario do que imaginávamos nós respiramos gordura entenda melhor esse processo

Apesar da obsessão quase que mundial por dieta e programas de emagrecimento, uma grande dúvida que todos temos é: para onde vai a gordura corporal quando emagrecemos corretamente?

O que sempre imaginamos é que a gordura era convertida em energia ou calor. Simples assim, eu também pensava. Dr. Fábio Cardoso médico do esporte especialista em medicina preventiva e longevidade nos conta que apenas parte é convertida em energia, mas nem de longe isso explica todo o processo de perda de gordura durante o emagrecimento.

Respondendo esta pergunta, temos agora um estudo realizado pela School of Biotechnology and Biomolecular Sciences da Austrália que nos auxilia a entender o que realmente acontece.

O dr nos conta que somente agora os cientistas estão conseguindo “juntar os pontinhos” e finalmente entendendo o processo metabólico de perda de peso.

A parte da resposta que faltava para esclarecer a nossa dúvida é que a maior parte da gordura é respirada para fora do corpo, isso mesmo – exalada – como dioxido de cardono, o famoso CO2. Literalmente, “gone with the wind” – “e o vento levou”…

No trabalho publicado na Britsh Medical Journal, e encabeçado pelo pesquisador Prof. Dr. Ruben Meerman, foi demonstrado que para perder 10 kilos de gordura é necessário inalar 29 kilos de de oxigênio e neste processo metabólico são produzidos 28 kilos de dioxido de carbono e 11 kilos de água.

Se você entender que cada átomo em 10 kilos de gordura são “perdidos”, e não consumidos como energia – nossa idéia antiga – 8,4 kilos são excretados via a respiração, através do pulmões. Os outros 1,6 kilos se transformam em água, e podem ser excretados através da urina, fezes, suor, lágrimas e outros tantos fluídos corporais internos e externos.

Óbvio que não adianta respirar mais rápido e mais fundo você irá hiperventilar. E acabará tonto, poderá desmaiar e até ter arritmias cardíacas.

Quer acelerar? Dr Fábio nos diz que a regra é adequar a respiração com a sua taxa de metabolismo. Só assim você não “hiperventila”. E a melhor forma de fazer isto é muito conhecida e simples: faça exercícios, e se mantenha ativo por todo o teu dia, evitando ficar parado por muito tempo (sofá, cadeira, cama engorda viu?).

Agora já entendemos que não vamos “queimar” gordura somente, vamos “respirar”, “botar para fora” a maldita, está aí um exorcismo que todo mundo gostaria de realizar.

Mais sobre Dr. Fábio S. Cardoso CRM-SC 11796:

• Medico do esporte, especialista em medicina preventiva e longevidade.
• Especialista em Medicina Intensiva Adulto, pelo MEC e Sociedade Brasileira de Medicina Intensiva,
• Especialista em Medicina Preventiva e Longevidade,
• Pós-graduado em Medicina do Esporte,
• Membro da Associação Brasileira de Medicina Anti-Envelhecimento
• Membro da Sociedade Brasileira de Medicina do Esporte
• Membro do Colégio Americano de Medicina do Esporte (ACSM)
• Membro do Comitê de Esportes de Combate do Colégio Americano de Medicina do Esporte (ACSM) Colégio Americano de Medicina do Esporte
• Membro da National Athletics Training Association (NATA).
• Membro da American Association of Professional Ringside Physicians (AAPRP)
• Membro da Brazil-American Academy for Integrative & Regenerative Medicine
• Colunista em revistas especializadas
• Presença constante nas publicações de peso
• Palestrante dos eventos de saúde mais importantes do país, 

Mais visualizadas na última semana