• Especialista dá seis dicas de cuidados durante viagens longas

Fonte: http://raleigh.happeningmag.com/
Saiba como evitar problemas causados pela trombose nas pernas

No período de férias aumentam os casos de trombose venosa, já que é nesta época do ano que ocorrem as viagens mais longas, seja de carro ou de avião. Para não atrapalhar o passeio e evitar dores de “cabeça” é indicado tomar alguns cuidados para e prevenir o problema.

A trombose venosa profunda (TVP), conhecida por trombose, é um problema causado pela formação de coágulos no interior das veias. Pode ocorrer durante ou após viagens, e está relacionada com a imobilidade prolongada e com fatores de risco do próprio viajante. “O desprendimento destes coágulos pode resultar em embolia pulmonar, condição potencialmente fatal e que deve ser tratada o mais imediatamente possível”, explica Jorge Timi, cirurgião vascular e chefe do serviço de Cirurgia Vascular e Endovascular do Hospital VITA.

De acordo com o especialista, cada caso deve ser tratado de forma individualizada. O médico explica que pessoas com idade acima dos 50 anos que vão fazer viagens com mais de seis horas de duração devem procurar um médico para uma avaliação. Existem métodos profiláticos de trombose venosa para o risco desta situação, mas o tratamento preventivo deve levar em consideração caso a caso, já que cada pessoa deve ser tratada de forma individualizada. Além disso, para pessoas que têm doenças crônicas ou histórico de trombose na família essa avaliação já deve ser feita mesmo antes dos 50 anos.

Dicas para evitar trombose nas viagens:

1 - Enquanto aguarda o embarque caminhe;
2- Mantenha-se hidratado;
3 - Evite uma alimentação pesada antes da viagem;
4 - Não consuma bebida alcóolica, pois desidrata;
5 - Use roupas confortáveis, que não apertem;
6 - Evite ficar sem movimentar as pernas por um período muito longo.

Sintomas - Os principais sinais e sintomas da TVP são dor na perna acompanhada de edema (inchaço), vermelhidão e calor local.

Diagnóstico - Para identificar os sintomas da TVP, além da avaliação clínica do paciente, o médico faz uma ultrassonografia chamada Ecodoppler colorido venosos das pernas, para complementar o diagnóstico.

Feito o diagnóstico, o paciente será tratado da trombose, que também é prevenção da embolia pulmonar.

Nenhum comentário:

Mais visualizadas na última semana